Entrevistas de Entidades/Organizações
Nuno Simões
2º Torneio AC Cup 2015
Nuno Simões



ESCOLA DE FUTEBOL ATLÉTICO CLUBE DE FAMALICÃO

- O número de atletas aumentou em relação à época anterior?

Sim, passamos de 25 para 56 atletas, meninos e meninas e continuam a entrar mais atletas.

- Para a próxima temporada quais são os vossos objetivos?

Os objetivos passam por conseguir ter uma equipa em cada escalão de futebol de 7 e ter Iniciados e Juvenis, sabemos que como estamos a começar é sempre complicado pensar em muitas vitórias porque iremos ter sempre meninos mais novos a jogar com meninos 1 ano mais velhos, isto para que possamos ter numero de atletas suficientes para competir. Mas nem tudo é mau pois acabam por adquirir outras competências jogando com meninos mais velhos.

Outro objetivo é conseguir atrair treinadores com cédula de treinadores que se identifiquem com a nossa forma de pensar, não podemos deixar meninos de lado só porque precisamos de trabalhar muito para os ensinar, da trabalho ensinar quase do zero, mas esse é o desafio que proponho a quem se diz treinador apaixonado pelo treino, aqui não se vence com seleções de miúdos, aqui treina-se, luta-se e vence-se com quem aparecer!

- Necessidades para a próxima época?

Uma vez que a escola de futebol só cobra as mensalidades aos Pais e o equipamento de treino, não tem outra fonte de rendimento que consiga fazer face aos gastos em mais equipamentos de jogo e a inscrição de equipas e jogadores na A.F Aveiro. Gostaríamos que aparece-se uma ou mais empresas que pudéssemos representar nos nossos equipamentos podendo elas assumir as despesas acima referidas.

 

- Os pais dos atletas têm tido um papel importante no vosso projeto?

Os Pais são importantes desde que queiram participar ou se mantiverem informados antes de se insurgirem sobre as pessoas que cuidam dos seus filhos, muitos pais nem presenciam os treinos e não estão dentro do campo nos jogos. Os treinadores não vivem deste trabalho já isto se torna ingrato devido a carga de horas exigida, quanto mais ser sujeito a situações vindas muitas vezes dos pais por falta de conhecimento, torna-se desmotivador e muitas vezes pode por em causa a felicidade do próprio atleta no grupo caso as situações sejam repetidas.

Nem todos podem ajudar ou querem participar, e temos de respeitar pois não podemos exigir nada a ninguém. Acho que as vezes é uma questão de personalidade onde as pessoas se sentem ou não à vontade para participarem. Respeito quem não participa, mas recuso que se falem em grupos pois se os meninos são tratados todos da mesma maneira, todos os pais são convidados para os eventos e festas, a única proximidade com alguns pais deve-se a assiduidade nestes dias onde nos ajudamos uns aos outros para representar o clube e ajudar a formação.

Mas esta questão dos pais é muito discutida a muitos anos na formação, um pai até pode ajudar a realizar os eventos, mas se criar discussão ou grupos entre os pais dos atletas isso não é bom. Por isso esta questão dos Pais pode ser muito complexa, mas gosto de simplificar da seguinte maneira:

Na formação os pais pagam uma mensalidade para que os filhos possam ser treinados e é isso que devem exigir, a mesma dedicação por parte do treinador, não se paga para jogar!
Muitas vezes são os próprios pais quem acaba por retirar os atletas de alguns clubes porque eles mesmos não se conseguem adaptar.

- Em relação ao Torneio que realizaram recentemente, qual o balanço?

Fantástico, durante 3 Domingos seguidos o Atlético clube de Famalicão realizou o seu torneio de verão. Torneio de verão onde jogaram todos os atletas da escola de futebol.

26 Equipas, 350 atletas, todas as refeições confecionadas no recinto, oferecidos lanches e água para todos os atletas.
Os vencedores por escalão foram os seguintes:
Traquinas B – Arco, Infantis – Tocha, Petizes – Famalicão, Iniciados – Macinhatense, Benjamins A – Anadia F.C.

Tivemos a honra de receber Toni ex treinador do Sl Benfica, Rui Dolores ex jogador do Boavista, Luís Vidigal ex jogador da Seleção Nacional e Fernando Mendes empresário de futebol.

Foi para nós um orgulho imenso poder mostrar a nossa realidade a pessoas que também elas começaram em campos humildes e fizeram o seu trajeto para outros “palcos” de muito sucesso. Desta forma recebemos um testemunho idêntico por parte dos 4 padrinhos presentes que vale a pena apoiar estes jovens que gostam de futebol e merecem ser alvo da dedicação e competência no ensino do futebol.

- É uma iniciativa a repetir no próximo ano?

Sem dúvida, aliás algumas das equipas convidadas elogiam a nossa organização, já nos convidaram para os seus próprios torneios e muitas fazem questão de dizer que querem voltar no próximo ano!

- Da parte da Direção do AC Famalicão têm tido todo o apoio?

Muitos foram os treinadores de outros clubes que ficaram impressionados com a participação dos elementos da direção ou associados na resolução de algum problema que possa aparecer, como foi o caso do problema na rega do campo no dia 7 Junho, problema esse que nos levou a solicitar a vinda dos bombeiros para regar o campo, culminou na vinda dos bombeiros da Mealhada devido a impossibilidade dos Bombeiros de Anadia.
Mas resumindo, esse problema foi resolvido durante a semana por elementos da direção e associados. Outras situações vão surgindo e as soluções vão aparecendo através da direção, boa vontade e comunicação não falta! 

 

Autor: Academia de futebol
comentários
Não foram introduzidos comentários a esta entrevista!
PUB
Mundo do TreinadorBairrinformáticaSericertimaTacticalPadTacticalPad
AcademiaAcademiaFalta informação?
AcademiaInstalminhopatrocinadores (energigas)
TacticalPadEnergigas24Sports Training