Leis de jogo
LEI 6 - OS ÁRBITROS ASSISTENTES
LEI 6 - OS ÁRBITROS ASSISTENTES

Deveres e responsabilidades

Serão designados dois árbitros assistentes, que têm por missão, salvo decisão contrária do árbitro, assinalar:

  • quando a bola sai completamente do terreno de jogo;
  • a que equipa pertence o lançamento lateral, ou se há pontapé de canto ou de baliza;
  • quando um jogador deve ser sancionado por se encontrar na posição de fora-de-jogo;
  • quando é solicitada uma substituição;
  • quando um comportamento condenável ou qualquer outro incidente aconteça fora do campo de visão do árbitro;
  • quando forem cometidas faltas em que os árbitros assistentes estejam mais perto da acção que o árbitro; (incluindo, excepcionalmente, qualquer falta cometida na área de grande penalidade);
  • quando, nos pontapés de grande penalidade, o guarda-redes se mova para a frente antes que a bola seja chutada e se a bola transpõe a linha de baliza.

Os árbitros assistentes devem ajudar o árbitro a controlar o jogo de acordo com as Leis do Jogo. Também devem ajudar o árbitro em todos os aspectos da direcção da partida, a pedido e sob o controlo do árbitro. As suas funções incluem também:

  • inspeccionar o terreno, as bolas utilizadas e o equipamento dos jogadores
  • determinar se os problemas de equipamento ou hemorragias foram resolvidos
  • controlar o processo das substituições
  • manter o controlo do tempo e registo dos golos e das incorrecções.

Assistência

Os árbitros assistentes ajudam também o árbitro a velar pela aplicação das Leis do jogo. Podem nomeadamente penetrar no terreno de jogo para garantir que a distancia de 9.15 m seja respeitada.

Em caso de ingerência ou de comportamento incorrecto de um árbitro assistente, o árbitro demiti-lo-á das suas funções e fará um relatório às autoridades competentes.

Colocação e colaboração com o árbitro

Pontapé de saída

Os árbitros assistentes devem colocar-se na linha do penúltimo defensor;

Colocação durante o jogo

Os árbitros assistentes devem colocar-se na linha do penúltimo defensor ou da bola se esta estiver mais próxima da linha de baliza do que o penúltimo defensor. Devem estar sempre de frente para o terreno de jogo.

Pontapé de baliza

Os árbitros assistentes deverão primeiro controlar se a bola está dentro da área de baliza:

  • Se a bola não se encontra em local correcto, o árbitro assistente não deverá mover-se da sua posição, deverá estabelecer contacto visual com o árbitro e levantar a sua bandeira
  • Logo que a bola se encontre em local correcto dentro da área de baliza, o árbitro assistente deslocar-se-á para a extremidade da área de grande penalidade para se assegurar que a bola sai dessa área (bola em jogo) e que os atacantes se encontram no seu exterior.
  • Se for o penúltimo defensor a executar o pontapé de baliza, o árbitro assistente colocar-se-á directamente na extremidade da área de grande penalidade.
  • Por fim o árbitro assistente deverá colocar-se de maneira a controlar o fora-de-jogo, o que é uma prioridade absoluta.

O guarda-redes soltar a bola das mãos

Os árbitros assistentes devem colocar-se no enfiamento da linha da área de grande penalidade e verificar se o guarda-redes toca a bola com as mãos fora da área de grande penalidade.

Logo que o guarda-redes solte a bola das mãos, os árbitros assistentes devem colocar-se de maneira a controlar o fora-de-jogo, o que é uma prioridade absoluta.

Pontapé de grande penalidade

O árbitro assistente deve colocar-se na intercepção da linha de baliza com área de grande penalidade. Se ele verifica que o guarda-redes se adianta declaradamente antes da bola ser chutada e não é obtido golo, deverá levantar a sua bandeirola.

Pontapés da marca de grande penalidade

Um dos árbitros assistentes deve colocar-se na intercepção da linha de baliza com a área de baliza. A sua função principal consiste em controlar se a bola atravessa a linha de baliza.

  • Se a bola ultrapassa claramente a linha de baliza, o árbitro assistente deve estabelecer contacto visual com o árbitro sem fazer qualquer outro sinal.
  • Se foi golo, mas não foi claro que a bola tenha ultrapassado a linha, parecendo continuar em jogo, o árbitro assistente começará por levantar a sua bandeirola para chamar a atenção do árbitro e confirmará em seguida o golo.
  • O outro árbitro assistente colocar-se-á dentro do círculo central para controlar os restantes jogadores das duas equipas.

Casos de “Golo – Não Golo”

Se foi obtido um golo sem haver qualquer dúvida, o árbitro e o árbitro assistente devem estabelecer um contacto visual, e o árbitro assistente deverá correr ao longo da linha lateral uma distância de 25 a 30 metros na direcção da linha de meio campo, sem levantar a sua bandeirola.

Se foi obtido um golo, mas a bola parece entretanto continuar em jogo, o árbitro assistente deverá primeiramente levantar a sua bandeirola para chamar a atenção do árbitro e depois seguir o procedimento habitual, correndo ao longo da linha lateral uma distância de 25 a 30 metros na direcção da linha de meio campo.

Se a bola não atravessou totalmente a linha de baliza e que o jogo prosseguiu normalmente porque não foi golo, o árbitro deve estabelecer um contacto visual com o árbitro assistente e, se necessário, este deverá fazer um sinal discreto com a mão.

Pontapé de canto

Durante a execução de um pontapé de canto, o árbitro assistente deve colocar-se atrás da bandeirola de canto, no enfiamento da linha de baliza.

Nesta posição, ele deverá ter o cuidado de não interferir com o jogador que vai marcar o pontapé de canto. Ele tem o dever de controlar se a bola está bem colocada dentro do quarto de círculo de canto.

Pontapé-livre

Durante a execução de um pontapé-livre, o árbitro assistente deve colocar-se na linha do penúltimo defensor a fim de controlar o fora-de-jogo, o que constitui uma prioridade absoluta. Entretanto ele deverá estar pronto para seguir a trajectória da bola, correndo ao longo da linha lateral, até à bandeirola de canto, no caso de remate ser directo à baliza.

Gestos

Regra geral, os árbitros assistentes devem abster-se de qualquer sinal feito com a mão de forma ostensiva. No entanto, em certos casos, um sinal discreto com a mão livre poderá ser uma preciosa ajuda para o árbitro.

Esse sinal com a mão deve ser claro e inequívoco, devendo ser definido e aprovado na reunião preparatória do jogo.

Técnica de corrida

Regra geral, o árbitro assistente deve fazer frente ao terreno de jogo, enquanto se desloca ao longo da linha lateral. Os movimentos laterais devem ser utilizados para distâncias curtas, pois resultam particularmente importantes para ajuizar as situações de fora-de-jogo e para garantir um melhor campo de visão.

Sinal "Beep"

Recorda-se aos árbitros que o sinal “beep” é um sistema complementar que só deve ser utilizado em caso de necessidade, para chamar a atenção do árbitro.

O sinal “beep” é útil nas seguintes situações:

  • fora-de-jogo
  • faltas (fora do campo de visão do árbitro)
  • lançamentos laterais, pontapés de canto ou de baliza (situações difíceis)
  • casos de golo (situações difíceis)

Técnica de bandeira e colaboração com o árbitro

A bandeirola do árbitro assistente deve estar sempre desfraldada, visível para o árbitro, mesmo durante a corrida.

Para fazer um sinal, o árbitro assistente deve interromper a corrida, colocar-se de frente para o terreno de jogo, estabelecer contacto visual com o árbitro e levantar a sua bandeira com gestos firmes (sem excitação ou exagero). A bandeirola deverá ser como uma extensão do braço.

O árbitro assistente deve levantar a bandeira com a mesma mão com que fará o sinal seguinte. Se as circunstâncias mudam e se vê obrigado a utilizar a outra mão para fazer o sinal seguinte, o árbitro assistente mudará a bandeira de mão por baixo do nível da cintura.

Se o árbitro assistente assinala que a bola saiu do terreno de jogo, deve manter o seu sinal até que o árbitro se aperceba.

Se o árbitro assistente assinala um acto de conduta violenta e o seu sinal não foi visto imediatamente pelo árbitro:

  • se o jogo foi interrompido para aplicar a sanção disciplinar, deve recomeçar, de acordo com as Leis do Jogo (pontapé-livre, grande penalidade, etc.)
  • se o jogo já recomeçou, o árbitro poderá tomar medidas disciplinares, mas não poderá conceder um pontapé-livre ou uma grande penalidade.

Lançamento lateral

Se a bola ultrapassou a linha perto do árbitro assistente, este deve assinalar directamente a direcção do lançamento.

Se a bola ultrapassa a linha lateral longe do árbitro assistente e que o lançamento é claro e evidente, o árbitro assistente deve assinalar directamente o lançamento.

Se a bola ultrapassa a linha lateral longe do árbitro assistente, mas a bola parece continuar em jogo, ou se o assistente tem dúvidas, deve levantar a bandeira para informar o árbitro que a bola saiu, estabelecer contacto visual com ele e seguir o seu sinal.

Pontapé de canto / Pontapé de baliza

Se a bola ultrapassa a linha de baliza perto do árbitro assistente, este deve fazer um sinal com a mão direita (melhor campo de visão) para indicar que se trata de um pontapé de baliza ou de um pontapé de canto.

Se a bola ultrapassa a linha de baliza perto do árbitro assistente, mas a bola parece continuar em jogo, o árbitro assistente deve em primeiro lugar levantar a sua bandeirola para informar o árbitro que a bola saiu e em seguida deve indicar se se trata de um pontapé de baliza ou pontapé de canto.

Se a bola ultrapassa a linha de baliza longe do árbitro assistente, este deve levantar a sua bandeirola para informar o árbitro que a bola saiu, estabelecer contacto visual com ele e seguir a sua decisão. O árbitro assistente pode igualmente fazer um sinal directo se a decisão é clara e evidente.

Fora-de-jogo

A primeira acção de um árbitro assistente para assinalar um fora-de-jogo é levantar a sua bandeirola. Em seguida, com a bandeira, indicará a zona do terreno em que ocorreu a infracção.

Se o árbitro não vir imediatamente a bandeira, o árbitro assistente manterá o sinal até que o árbitro se aperceba ou que a bola seja claramente controlada pela equipa defensora.

O árbitro assistente deve levantar a sua bandeira com a mão direita a fim de ter um melhor campo de visão.

Substituições

Quando se pretende fazer uma substituição, o árbitro assistente deve ser previamente informado pelo 4.º árbitro para, na primeira interrupção, fazer o sinal de substituição ao árbitro. O árbitro assistente não tem necessidade de se deslocar até à linha de meio campo, porque o processo da substituição é executado pelo 4.º árbitro.

Se não existir 4.º árbitro, o árbitro assistente deve participar na execução do processo da substituição. Neste caso o árbitro deve esperar que ele retome o seu lugar antes de apitar para o recomeço do jogo.

Faltas

O árbitro assistente deve levantar a sua bandeira quando uma falta ou uma incorrecção seja cometida perto dele ou fora do campo visual do árbitro.

Em todas as outras situações, ele só deve intervir quando lhe seja pedido.

Então transmitirá ao árbitro o que viu e ouviu, indicando os jogadores implicados.

Antes de assinalar uma infracção, o árbitro assistente deve assegurar-se se:

  • a infracção foi cometida fora do campo de visão do árbitro ou que o campo de visão do árbitro esteja obstruído
  • o árbitro viu a falta e aplicou a lei da vantagem.

Quando uma falta ou uma incorrecção é cometida, o árbitro assistente deve:

  • levantar a sua bandeira com a mesma mão que vai utilizar para indicar a direcção, de maneira a indicar claramente ao árbitro quem cometeu a falta
  • estabelecer contacto visual com o árbitro
  • agitar ligeiramente a bandeira para a frente e para trás (evitando movimentos excessivos ou agressivos)
  • utilizar o sinal “beep” se necessário.
  • O árbitro assistente deve utilizar a técnica do “espera e vê”, para permitir que o jogo prossiga, não levantando a bandeira quando uma equipa contra a qual foi cometida a falta possa beneficiar de uma vantagem. Neste caso, é importante que o árbitro assistente e o árbitro estabeleçam contacto visual entre si.

Faltas cometidas fora da área de grande penalidade

Se uma falta é cometida fora da área de grande penalidade (perto da linha limite da área), o árbitro assistente deve estabelecer contacto visual com o árbitro para ver onde é que ele está colocado e que decisão tomou. O árbitro assistente deve ficar parado no enfiamento da linha da área de grande penalidade e levantará a bandeira se for necessário.

Em situações de contra-ataque, o árbitro assistente deve ser capaz de indicar se foi ou não cometida uma falta e se a falta foi cometida dentro ou fora da área de grande penalidade, o que neste caso é uma prioridade absoluta. Ele deve também precisar qual a sanção disciplinar a tomar.

Faltas dentro da área de grande penalidade

Se uma falta é cometida dentro da área de grande penalidade, fora do campo de visão do árbitro, especialmente na zona próxima do árbitro assistente, este deve, em primeiro lugar estabelecer contacto visual com o árbitro para ver onde é que ele está colocado e se tomou alguma decisão.

Se o árbitro não tomou nenhuma decisão, o árbitro assistente deve então levantar a sua bandeirola e fazer o sinal “beep”, deslocando-se depois ao longo da linha lateral em direcção à bandeirola de canto.

Confrontações em grupo

Em situações de confrontações em grupo de jogadores, o árbitro assistente mais próximo pode penetrar no terreno para ajudar o árbitro. O outro árbitro assistente deve observar e tomar nota dos detalhes do incidente.

Consultas

No que se refere a consultas sobre questões disciplinares, um olhar e um sinal discreto de mão do árbitro assistente para o árbitro são normalmente suficientes.

No caso de ser necessária uma consulta directa, o árbitro assistente pode penetrar dois ou três metros no terreno de jogo. Enquanto trocam impressões devem ambos virar-se para dentro do terreno, para evitar que a sua conversa possa ser entendida Formação de barreiras Quando haja um pontapé-livre muito perto da linha lateral, onde se encontra o árbitro assistente, este pode entrar no terreno de jogo para controlar a barreira, fazendo com que se coloque a 9,15 metros da bola.

Ele avaliará a distância a partir da posição da bola. Neste caso, o árbitro esperará que o árbitro assistente retome o seu lugar antes de apitar para o recomeço do jogo.

FONTE: www.lpfp.pt

Liliana Simoes
comentários
Não foram introduzidos comentários a este debate!
PUB
Mundo do TreinadorTacticalPadBairrinformáticaTacticalPadSericertima
Falta informação?AcademiaAcademia
Academiapatrocinadores (energigas)
TacticalPadEnergigas24Sports Training